Tuesday, February 03, 2009

Pronúncia italiana - D, E

Retomando a lição sobre pronúncia italiana encontramos a primeira dificuldade: a letra d. Costumo dizer que o brasileiro começa a aprender italiano quando consegue pronunciar corretamente o 10 (dez) em italiano, dieci.

Em algumas línguas – e, entre elas, o italiano – o d antes de i tem um som mais duro em relação ao português. Só conheço um modo de explicar isso e espero que seja um modo eficaz. Em português o d + i soa aos estrangeiros como se houvesse um j entre eles. Assim, o nosso “bom dia” soaria aos ouvidos gringos como “bom djia”. Pois bem, para pronunciar corretamente em italiano, deve-se cancelar o j da palavra. Precisa treinar muito para falar com naturalidade, mas uma vez que se aprende é como andar de bicicleta. A pronúncia da palavra dieci deve respeitar não apenas a correta pronúncia do d + i, mas também do c + i (tchi). Agora tente ler a palavra dieci e pronunciá-la em italiano. Prometo não rir na sua frente. Para um italiano a pronúncia do nosso d + i soa como se fosse escrito g + i.

Já a letra e não oferece tanta dificuldade, mas é necessário muita atenção. Temos o hábito de pronunciar todos os es átonos em fins de palavras como se fosse i. Quase, se, de (preposição), leve, que, são apenas alguns exemplos desse nosso vício linguístico. Em italiano esse hábito causa imensa confusão e precisa ser evitado. Che – pronuncia-se – corresponde ao nosso que, em italiano; caso se pronuncie ki, será entendido como chi (ki), que corresponde ao nosso quem em italiano. Outro cuidado que se deve ter diz respeito ao acento – que só se usa em palavras homófonas ou aquelas cuja sílaba tônica é a última –, que é ao contrário do acento em português: è e é, em italiano, correspondem, respectivamente, aos nossos é e ê.

Vá treinando:

Dieci (10)
Dimmi (diga-me)
Discoteca
Caffè
È
Diciotto (18)
Diciannove (19)
Fase
Frase
Che (que)
Se

11 comments:

Segunda impressão said...
This comment has been removed by the author.
Segunda impressão said...

Você prometeu não rir na minha frente...mas eu ri muito tentanto pronunciar d + i como se fosse escrito g + i e c + i (tchi)... Grazie pela lição!
Muito bom!
Vou voltar sempre aqui!

maray said...

eu ainda nem consigo pronunciar mamma! Vou continuar tentando, se nada mais der certo, vou fazer um curso de mímica! Como sou casada com um italiano, já tenho um pouco de prática em gesticulação frenética :)

Meire said...

Alla eu costumo dizer que para saber como se diz bem o D e O T, precisaria ouvir um piracicabano falando.

Um beijo

Meire

luma said...

Allan, já pensou em fazer um podcast? Beijus

acqua said...

Gostei, quando eu cheguei aqui no Brasil, minha prima (que é brasileira) dizia que eu falava o t e o d de um jeito engraçado. E eu achava o mesmo com relação a ela (rs).
Tem presentinho pra ti lá no Acqua moço. Beijos

Manoel Carlos said...

Em Pernambuco, dia e tia não se pronunciam djia e tchia, como no Rio, mas dia e tia mesmo. Esta pronúncia carioca talvez seja influência cabo-verdiana, da época dos escravos.
Manoel Carlos

Claudia Souza said...

Fila do supermercado aqui em Milao. Moça brasileira na frente,muito gentil deixa passar a senhora italiana, que lhe agredece. E ela sapeca um "FIGURATCHIEEE!!" engraçadissimo. O T também é outra armadilha pra nos, além do E final. hihihi

Rique e Dani said...
This comment has been removed by the author.
Rique e Dani said...

Olá... vasculhando pela net, achei teu site com ótimas dicas de italiano... é bom treinar pra perder o sotaque de novela das oito!

Abraço,

Danielle

Anonymous said...

Excelentes esses seus posts, obrigado. Gostaria de indicar este site também: www.italianonaweb.com.br