Monday, June 02, 2008

Manias

Uma das manias que tenho é plantar árvores.

No início de maio de 2000, três meses após a minha assunção na empresa, quando ainda não havia conseguido quebrar a barreira da desconfiança, plantei a primeira muda. Estava indo trabalhar e vi a mudinha nascendo na beira da rua, em um trecho muito movimentado. Sabia que ali ela não teria chance. Escavei com o canivete entre a terra e o asfalto. Plantei-a no pequeno gramado em frente à empresa, sob os olhares curiosos dos colegas que chegavam. Não sei o nome dela – ninguém soube me dizermas é uma árvore muito comum e que cresce pouco. Lembra um flamboyant e produz uma espécie de pinha.

Quatro anos depois, outra muda no mesmo lugar. Plantei-a ao lado da outra, que era uma arvorezinha. Hoje as duas fazem um pouco de sombra, no estacionamento saariano da empresa. Curiosamente, ninguém jamais ocupou a vaga sombreada pela primeira árvore. Aquela é a minha vaga, em um acordo tácito e divertido que duraoito anos. Nesta época do ano os ninhos são refeitos, sempre nos galhos mais altos da árvore. A gata observa…

Em 2006, no início do verão, descobri, nos fundos da empresa, uma muda de figueira brotando em uma fresta entre o asfalto e a parede do depósito. Seria arrancada assim que o senhor da manutenção a visse. Chamei-o e pedi-lhe algo para escavar a raiz. Plantei no trecho de mato que deveria ser um gramado – a poucos metros de onde havia brotado. Quando o invero chegou, protegi-a com um cercado e plástico para impedir que o frio matasse suas raízes ainda muito frágeis, mas o segundo inverno ela o enfrentou sozinha e vai se inclinando à procura do sol. Decidi não interferir, ela saberá crescer sozinha. Vai levar uns anos, mas um dia estará produzindo figos para os muitos pássaros que vivem por ali, como faz a sua mãe, do outro lado do muro.

E você? Que manias tem?






.

13 comments:

evipensieri said...

Oi Allan

Não tenho tantas manias saudáveis quanto as suas ...

Eu já plantei uma árvore mas há muito tempo atrás. Já está grande.

Bjs.
Elvira

Sonia Regly said...

Allan
Excelente post, posso linkar seu Blog??? Vim te convidar a visitar o Compartilhando as letras, sua visita será uma grande alegria. Cheguei até aqui através do SAIA JUSTA da Geórgia. Bjs.

Georgia said...

Oi Allan, muito legal essa sua mania de reservar uma sombra para o seu carro, heheheheh!!!

Eu tenho muitas manias. Cuidar do jardim, plantar árvores, cuidar em fazer novas mudas para presenteá-la a alguém. Taí, acho que essa é a minha mania que mais faco. Fazer muda das plantas que tenho e repassá-las.

Boa semana

Camila Marinho said...

Essa é uma mania que todos deveriam ter. Parabéns.
A propósito, não dizem que o homem tem que ter feito pelo menos 3 coisas na vida: ter um filho, plantar uma árvore e escrever um livro??? Vc já escreveu um???

maray said...

Eu moro em casa de esquina. O que significa um montão de calçada. Plantamos oito. Entre elas um flamboyant. Está acabando com minha calçada e meu muro, mas resisto a tirá-lo de lá. É como certas relações humanas, que a gente sabe que não são boas pra gente, mas o amor...
Pior que isso é ter que aguentar a vizinhança comentando que as minhas árvores "sujam" a calçada deles quando venta!

Leila Silva said...

Allan,
Mas que mania maravilhosa, nem ouso pensar nas minhas depois disso. Eu tenho a mania de separar o lixo, mas não tenho tanta certeza da utilidade disso para a natureza, já ouvi dizer que o lixo costtuma ter o mesmo destino no final das contas. O pior é que todo mundo anda usando isso como um pretexto, aliviando a consciência, sabe?
Abraços

Sandra said...

Manias tenho muitas... Mas nenhuma que valha alguma coisa paa melhorar o mundo.

:(

Beijos

Sonia Regly said...

Vim te convidar de novo para retornar ao Compartilhando as Letras. Coloquei uma linda postagem sobre a Restauração da Memória do Rio.

Lunna Montez'zinny said...

Manias? Nossa! É o que eu mais tenho...
Tenho manias de criar rascunhos e abandoná-los. Também tenho mania de fechar janelas (não gosto da luz do sol) e também tenho manias estranhas como gostar de apreciar cortinas ao vento, voando até ao teto ou ficar olhando lençóis pendurados no varal... Estranho, não acha?
Adorei suas experiências com árvores. Eu plantei um pé de café lá em São Paulo... Vamos ver no que isso vai dar.

Luma said...

Olha que mania boa!

Acho que não tenho manias. Vai saber!

Allan, instalou recentemente algum script no seu template? Pode ser ele que gera as propagandas. Tipo um contador ou controlador de trafego? Vi que tem o webstats4u. Os serviços free nunca são free na realidade. Retire ele e acesse para ver se aparece o erro. Se for ele substitua pelo google analytics. Muito mais saudável!
http://www.google.com/analytics/pt-BR/
Se não souber como ele funciona, veja na postagem da Juliana Sardinha
http://dicasblogger.blogspot.com/2008/03/google-analytics.html
Beijus

Juliano said...

Grande Allan,

Saudável mania.

Eu costumo guardar papéis inúteis no bolso para jogá-los no primeiro cesto de lixo. Viagem longa, bolso cheio...

Grande abraço!

Ulisses Adirt said...

Linda mania... adorei.

Minha mania é tentar utilizar a faixa de pedestre, apesar dos carros.

Maria Augusta said...

Esta é uma bela mania! Manias saudáveis assim acho que ainda tenho poucas, acho que a mais interessante é caminhar muito para evitar o uso do carro o máximo possível.
Abração.